Blog posts

Teleférico de Quito: tudo visto de cima de um vulcão

Teleférico de Quito: tudo visto de cima de um vulcão

Equador, Quito

Quito é uma cidade cheia de história, com um centro histórico dos mais bonitos que eu já vi. Mas ver de cima a cidade e perder os detalhes também vale a pena, o Teleférico de Quito é um dos mais altos que eu já fui na vida, é uma subida que não acaba mais! Vamos conferir comigo?

Como chegar ao Teleférico de Quito? 

Quase todos os estrangeiros se hospedam na Mariscal (inclusive yo), um bairro agitado e que hospeda as melhores baladas do Equador. De lá ou do centro, chegar ao teleférico é tarefa fácil: você pode ir de ônibus ou táxi, o que achar melhor.

Quer mais ideias do que fazer? Te sugerimos também o Parque Mitad del Mundo.

Teleférico de Quito
Calma na subida, o frio na barriga vale a pena!

O táxi custou cerca de USD 6,00 e, olha, negocie antes, lá eles não usam o taxímetro muito, rs. Se quiser poupar um pouco, dá pra ir de Metrô até a Estação Miraflores da linha Azul e caminhar cerca de 20 minutos até a base do teleférico. O metrô custa USD 0,25, barateza!

Já tem viagem marcada? O Booking tem muitas opções pra você, desde hosteis bacanas até um hotel charmosíssimo! Reserve com o nosso link e nos ajude a manter o OMMDA 🙂 

Quanto custa?

O teleférico custa USD 8,25 para estrangeiros e o ticket se compra lá mesmo, na entrada. As fins de semana e feriados as filas são imensas, parece que todos os equatorianos tão lá, sério então vale a pena evitar e reprogramar pra um dia mais tranquilo.

Teleférico de Quito
Nem com zoom dá pra ver muito, só dá pra ter noção que Quito é bem grandinha.

As nossas fotos estão no Instagram @omelhormesdoano, confira por lá também!

O que fazer?

Teleférico de Quito
Créditos da Foto: Carlos Luis – seria montagem? sim ou com certeza?

Vai viajar? O Seguro Viagem te evita muita, mas MUITA dor de cabeça? E a Real compara todos pra você e te oferece sempre o melhor preço! Confira!Seguro viagem america do sul 728x90

Eu adorei a subida do Teleférico de Quito, tem muito pra ficar admirando: você está no teleférico mais alto da América do Sul! E sim, pra quem tem medo de altura não é muito recomendado: sai de 2950 metros de altitude e chega a 4050! Sim, se sobe mais de UM KILÔMETRO de altitude. #medinhodealtura

E a subida é longa, dura cerca de 10 minutos, dá pra tirar bastante fotos e curtir o friozinho na barriga.

Se você tiver sorte, vai poder ver muitos dos vulcões dos Andes na região: o Cotopaxi, que fica ao sul de Quito, Antisana, Cayambe entre outros.

Teleférico de Quito
E aí, vamos caminhar? – Crédito Julia Rubinic

O legal também é que dá pra fazer uma caminhada, bem cansativa por sinal, até o cume do Rucu Pichincha, o segundo cume mais alto do vulcão. E se você achou que a altitude que se chega no teleférico é complicada? Nessa caminhada de 5 kilômetros de pura subida, você chegará a quase 5 mil metros.

Reserve com a Booking e nos ajude a continuar trazendo muitas dicas de viagens!

Não subi (em minha defesa, só encontrei companhias preguiçosas no hostel e tinha lido alguns casos de assaltos e perigo de passar mal com a altitude), mas recomendo sim! Não é todo dia que se pode subir um vulcão, né?

Teleférico de Quito
Créditos: naturegalapagos.com

Mas o Quetrupillan, em Pucón, eu subi! E foi f%$#, como eu contei aqui!

Gostou desse post? Compartilhe na suas redes sociais! E aproveita e conta pra gente o que você achou 😉

About the author

Viciada em viajar, mas que sossegou - só um pouco - no Chile pra abrir um hostel. Já esteve em 9 países e 90 cidades fora do Brasil. Não sabe nadar (mas sabe andar de bicicleta). É facilmente comprável com doces e bom café. E é mão de vaca (isso é um dado importante).

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *