Blog posts

Rapa Nui: Rano Raraku, onde os moais nasciam

Rapa Nui: Rano Raraku, onde os moais nasciam

Chile, Ilha de Páscoa

Posso falar? Rano Raraku está no meu top 3 lugares preferidos da ilhas. É tão surreal que me deixou com uma vontadinha de voltar lá só pra ter de novo o sentimento de estar rodeada por mais moais do que pessoas. 

Rano Raraku é um dos vulcões da ilha (todos eles inativos) e de lá era tirada a pedra utilizada para fazer os moais. Mentira! Lá era feitos os moais na pedra, e depois tiravam o tal inteirinho e transportavam, sabe-se lá como (tem moais que pesam mais de 20 ton!!!) para os Ahus (as plataformas onde eles estão/estavam localizados).

Dá para ver moais em diversos estados de produção:

Se você procurar bem, vê uns 4 moais sendo fabricados aí...
Se você procurar bem, vê uns 4 moais sendo fabricados aí…

Sério, eu perdi a conta de quantos moais tem por lá!

image

A pedida depois de admirar o processo de produção a melhor pedida é seguir para o Ahu com a maior quantidade de moais da ilha: Ahu Tongariki. São 15 moais de diversos tamanhos (inclusive o maior moais ‘de pé’ encontrado na ilha, com mais de 11 metros de altura). Esse lugar é muito especial e recomendo fortemente ver o nascer do sol por lá. Dá uma olhadinha como é lindo 😉


Use os nossos parceiros para viajar tranquilo e ajudar o OMMDA:

BookingReservando com esse link aqui da Booking, você não pagará nada a mais por isso e nos ajuda (e muito) a manter o blog!

Anonymous-aiga-first-aid-bg-300px A Real Seguros é um comparador de Seguros Viagens e com o nosso link você já ganha 15% de desconto em qualquer compra!


Como chegar:

Tenho que ser sincera, para ir de bicicleta tem que ter pique. É cansativo e um pouco longe. Vale tentar conseguir algumas pessoas pra dividir o aluguel de um carro (que sai CLP 35000) e tentar fazer todo o circuito de moais na costa leste da ilha.

image

About the author

Viciada em viajar, mas que sossegou – só um pouco – no Chile pra abrir um hostel. Já esteve em 9 países e 90 cidades fora do Brasil. Não sabe nadar (mas sabe andar de bicicleta). É facilmente comprável com doces e bom café. E é mão de vaca (isso é um dado importante).

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *