Blog posts

Como perder o voo de volta

Como perder o voo de volta

Bolívia, Histórias de viagem, La Paz

Eu sou mega organizada quando vou viajar, anoto tudo, faço planos dia a dia, previsão de gastos, meta de $ por dia… tudo o que você puder imaginar de controle! Nessa minha viagem, em 2011 pro Peru e pra Bolívia, tava indo tudo bem até que um porre FE-DE-RAL na noite anterior do voo mudou tudo…

Eu adoro ficar em hostel, é mais animado, você consegue conhecer pessoas de todo o mundo e os party hostels são melhores ainda, já que você nem precisa sair do hostel pra beber! Deu sono, só dar uma andadinha e capotar na cama.

Enfim, no ânimo de “último dia de viagem, vou gastar todos os trocados que tenho em birita” e um monte de brasileiros super animados pra ajudar, eu enchi a lata em La Paz, um dia antes de voltar pra casa.  Eu já tava decidida em não dormir (porque senão era certeza que eu perderia o vôo que era bem cedo) fiquei no bar até fechar, depois fiquei conversando com um monte de gente e no alto grau do alcoolismo  “por que vc não fica mais uns dias?” “¿Por qué no?” e foi assim… resolvi ficar. Simples e alcoólico.

O resultado?

Quando eu acordei e percebi a cagada que eu tinha feito, fodeu. Bateu um desespero. Liguei na empresa aérea e não consegui remarcar meu vôo porque era promocional. FODEU! No fim, achei uma passagem de La Paz pra Sta Cruz de La Sierra bem barata e de lá pra SP pela Gol… Bom, pelo menos consegui um plano B que foi pagável (mas fiquei lembrando dele por algumas faturas cartão de crédito).


Use os nossos parceiros para viajar tranquilo e ajudar o OMMDA:

BookingReservando com esse link aqui da Booking, você não pagará nada a mais por isso e nos ajuda (e muito) a manter o blog!

Anonymous-aiga-first-aid-bg-300px A Real Seguros é um comparador de Seguros Viagens e com o nosso link você já ganha 15% de desconto em qualquer compra!


A lição pra vida não é ‘não beba no último dia de viagem’, o que é quase impossível, é nunca marque seu voo de volta para o período da manhã! =)

PS: O ¿Por qué no? tem explicação, fica pra um outro post…

About the author

Viciada em viajar, mas que sossegou - só um pouco - no Chile pra abrir um hostel. Já esteve em 9 países e 90 cidades fora do Brasil. Não sabe nadar (mas sabe andar de bicicleta). É facilmente comprável com doces e bom café. E é mão de vaca (isso é um dado importante).

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *